Idade Média
Idade Média

A dinastia Koryo, que reunificou a península coreana após Shilla (AD 918-1392), teve o Taekkyon de forma mais sistemática e fez dela uma disciplina obrigatória nos exames para a selecção de cadetes militares.

As técnicas e poder de Taekkyon cresceu para se tornar armas eficazes até mesmo para matar seres humanos. Nas forças armadas, um padrão de prática coletiva, chamada "obyong-subak-hui (Taekkyon jogo 5 do soldado), foi introduzido para que ele possa ser usado em uma guerra real.

Nos primeiros dias da dinastia Koryo, habilidades de artes marciais foram as únicas qualificações necessárias para se tornar o pessoal militar, porque o reino absolutamente necessárias as capacidades de defesa nacionais depois de conquistar a península. Um certo soldado raso que domina técnicas taekkyon foi promovido a general, e os jovens foram convidados a taekkyon concursos onde os qualificados foram selecionados para se tornarem oficiais militares. Havia um monte de outros exemplos em que muitos jovens Taekkyon-masterizados foram colhidos em concursos, que é a prova de que o esporte Taekwondo foi originado naquela época. As crônicas da dinastia Koryo escreve:. "Em um concurso de poder de técnicas taekkyon, Lee Min Yi- perfurou um pilar da casa com o punho da mão direita, em seguida, alguns dos adereços do telhado foram abalados Outro praticante Taekkyon teve seu punho Pierce através da parede de barro a. "

Especialmente os reis da dinastia Koryo estavam muito interessados ​​em "subakhui" (concurso Taekkyon), tornando-se um curso obrigatório de treinamento militar. Portanto, subakhui também era popular para fora para viagens de inspeção nas aldeias.

No entanto, a dinastia Koryo em seus últimos anos tinha pólvora e novos tipos de armas disponíveis na mão, assim, retardar o seu apoio de marcial como os jogos populares a ser transmitido até a Coréia do moderno, Chosun. (Taekkyon explicado no livro de história Koryo)

TEMPLO